Profissionais e voluntários que vão atuar no Centro de Triagem e no Centro de Informação realizam capacitação extraordinária amanhã, 26

CORONAVÍRUS

Desde a segunda-feira, 23, começaram a ser instaladas nos arredores de hospitais do município duas estruturas para triagem, unidades que visam reduzir o contato entre pessoas com sintomas de Covid-19 e outros pacientes. A iniciativa é uma parceria desenvolvida entre a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro, a Defesa Civil, a Secretaria de Município da Saúde e Voluntariado. Estes últimos, em sua grande maioria, profissionais de enfermagem, e de cursos da área da saúde, que se voluntariaram para dar suporte na avaliação dos casos suspeitos de coronavírus.

Na primeira estrutura, erguida junto à Cardiologia da Santa Casa, operará um Centro de Informações ao Covid-19, local que, assim como explica a nominação, servirá para acesso a informações presenciais, retiradas de dúvidas, orientações e encaminhamentos.

Já a segunda estrutura, que está localizada em frente ao Pronto-Socorro da Santa Casa será o Centro de Triagem propriamente dito. Nele, o paciente com intercorrências respiratórias será recebido para uma triagem inicial, que incluirá a avaliação de temperatura, escuta dos sintomas apresentados (sintomatologia), notificações para a Vigilância Epidemiológica e orientação para o atendimento adequado, de acordo com o caso.

A perspectiva era a de colocar o Centro de Triagem em pleno funcionamento, e com a estrutura adequada, segura e necessária, ainda amanhã. E todos as instituições envolvidas estão trabalhando com afinco para isso. Mas a quinta-feira, 26, vai ser de uma capacitação em regime extraordinário, voltada aos profissionais que vão desempenhar suas atividades junto aos centros. Na manhã desta quarta-feira, em coletiva de imprensa via videoconferência com jornalistas da cidade, o prefeito Alexandre Lindenmeyer explicou que os locais ainda não estão em funcionamento porque passam por um processo de organização junto ao corpo de voluntariado.

O secretário de Saúde de Rio Grande explica que, no Centro de Triagem, “conforme a situação apresentada pelo paciente, ele será orientado pelas equipes a adentrar, de forma organizada, tanto o pronto-socorro, quanto a Santa Casa, quanto o hospital universitário da FURG, ou mesmo poderá ser orientado a fazer o isolamento domiciliar”, informou Maicon Lemos.

Tanto o Centro de Triagem, quanto o Centro de Informações funcionarão das 8h às 23h, seguindo orientações médicas do Comitê Técnico de Enfrentamento ao Covid-19, que entende que este deve ser o horário estratégico para a sua atuação.

Assessoria de Comunicação/PMRG

Publicado em: 25 de março de 2020