Prefeitura quer o destacamento de Guarda-Vidas para a Praia da Capilha

Número de visitantes no local aumentou e chega a receber até 3 mil pessoas durante os finais de semana

O vice-prefeito Paulo Renato Mattos Gomes e o prefeito Alexandre Lindenmeyer realizaram na manhã desta quinta-feira, 28, uma reunião com os comandos Geral e do 3º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Sul. A reunião aconteceu na prefeitura e a solicitação veio da própria administração municipal, que quer a inclusão de guardas-vidas na Praia da Capilha durante a Operação RS Verão 2020.

O município vem fazendo o pedido desde 2017, argumentando pela necessidade de alocação de guaritas na praia, que fica localizada no Taim, e atrai bastante público durante o período de Veraneio, e mesmo for a dele. O vice-prefeito Renatinho, que é também coordenador-geral da Defesa Civil de Rio Grande, defende a importância do destacamento dos profissionais para a localidade. “A Praia da Capilha tem tido, nos últimos anos, um crescimento notório de frequentadores, tanto daqui quanto de for a da cidade e os finais de semana chegam a ter até 3 mil pessoas no local”, exemplifica.

O vice, que é também coordenador-geral da Defesa Civil de Rio Grande, conta que a preocupação do município é a de “oferecer as condições de segurança necessárias para as pessoas que procuram o local”. Neste aspecto destacou que a Prefeitura do Rio Grande vem unindo forças, já há um tempo, junto de outros órgãos e articulando ações para oferecer melhores condições aos visitantes da praia, no que diz respeito à saúde, segurança, fiscalização de trânsito na praia, infraestrutura e algumas opções de esporte e lazer, “pautas discutidas durante os encontros da Matriz Capilha, quando se reúnem gestores das respectivas pastas visando melhorias para a localidade”, completa o gestor.

Na última semana mais de 400 guardas-vidas temporários iniciaram o treinamento para atuar em todo o estado durante a Operação Verão 2020. É o maior efetivo desde o início do projeto, segundo o governo estadual. Destes, quase 70 devem ser destacados para Rio Grande. Com o número de formandos o Comandante-Geral dos Bombeiros, Cel Cesar Eduardo Bonfanti disse, durante a reunião na prefeitura, que via com boas chances a possibilidade de atender a demanda do município.

Antes da vinda do Comandante-Geral a Rio Grande para discutir a questão, o Comandante do 3º Batalhão de Bombeiros Militar, Ten Cel Everton de Souza, realizou uma visita técnica na Capilha. Durante a visita ele esteve acompanhado dos integrantes da Defesa Civil de Rio Grande.

A vistoria técnica teve a finalidade de compor uma justificativa técnica diante da possibilidade de destacamento de guarda-vidas para a Capilha, identificando aspectos como alternativas de alojamento para receber os guardas. Nesse ponto, a Prefeitura já confirmou a disponibilidade da unidade de saúde da localidade que pode ser utilizada como tal, sem prejuízo de suas atividades. Outro aspecto tratado é a instalação das guaritas (o município solicita o mínimo de duas) na beira da lagoa, que serão disponibilizadas pela Secretaria de Município do Cassino.

O parecer apresentado pelo Comando do 3º Batalhão em Rio Grande foi favorável e apresentado ao Comandante-Geral. Até a segunda quinzena de dezembro, período de início do Veraneio, uma definição sobre o pedido deve ser encaminhada à Prefeitura pelo Comando da Operação RS Verão 2020.

Assessoria de Comunicação/PMRG

Fotos: Marcos Jatahy 

Postado em: 28 de novembro de 2019

Tamanho da fonte
Contraste