Prefeito acompanha arquiteta e pesquisadora baiana à Pedra de Xangô

O prefeito Alexandre Lindenmeyer recebeu, na manhã desta quinta-feira (7), a advogada, mestre e doutoranda em Arquitetura e Urbanismo da Universidade da Bahia (UFBA), Maria Alice Pereira da Silva. Ela é estudiosa das questões afrobrasileiras e a sua vinda teve o objetivo de visitar a Pedra de Xangô, símbolo religioso e cultural localizado na Rua Henrique Pancada. As cidades de Rio Grande, Guaíba e Salvador são as únicas no Brasil que adotaram esse simbolismo ao orixá Xangô. A visita de Maria Alice foi organizada pela Arutema (Associação Riograndina de Umbanda e Terreiros de Matriz Africana).

No encontro com a arquiteta e pesquisadora, o prefeito comentou sobre os projetos que a administração tem desenvolvido, em especial, a proposta aprovada no Legislativo que criou a política e a Coordenadoria Municipal de Promoção da Igualdade Racial no município.

Durante a visita ao monumento em Rio Grande, a arquiteta presenteou o prefeito Alexandre com um livro de sua autoria, cujo título é Pedra de Xangô – Um lugar sagrado afrobrasileiro na cidade de Salvador. Na capital baiana, a Pedra de Xangô é tombada pela Prefeitura. O monumento natural foi tombado por ser de resistência cultural e aglutinador da teia de terreiros do conjunto de bairros de Cajazeiras. O tombamento ocorreu após solicitações da Associação Brasileira de Preservação da Cultura Afro-Ameríndia (AFA), da Associação Pássaros das Águas e da Câmara Municipal de Salvador. Além da pedra, toda a região de 17 hectares onde ela está, também, foi tombada. A área, que é considerada sítio histórico do antigo Quilombo Buraco do Tatu, já havia sido oficializada como a primeira Área de Proteção Ambiental (APA), criada pela Prefeitura com base no novo Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano de Salvador (PDDU).

No ato em Rio Grande estiveram presentes, a Yalorixá Carmen, de Guaíba, o vereador Charles Saraiva, a presidenta do Conselho Municipal de Desenvolvimento Social e Cultural da Comunidade Negra (COMDESCCON Rio Grande), Eliane Menezes Costa, o presidente da Arutema, André Brizolara, o chefe de gabinete do prefeito, Paulo Rodrigues e diversas lideranças religiosas do município.

Assessoria de Comunicação PMRG

Postado em: 7 de novembro de 2019

Tamanho da fonte
Contraste